Feed de RSS

AENSM

sexta-feira, 28 de junho de 2019

7ª Escapadinha

Mais uma Escapadinha da comunidade educativa do Agrupamento Nuno de Santa Maria.
Desta vez, às terras serranas de Belmonte e Sortelha.




Muitas aprendizagens: Magnífico património edificado e cultural e não menos magnífico roteiro gastronómico.
As imagens falam por si.


Foi um dia Supimpa e com malta ainda mais Supimpa!

Venha a próxima.


↓ Mais fotos nesta pasta: ↓

quarta-feira, 26 de junho de 2019

Campanha por São Tomé e Príncipe

Decorreu, durante o terceiro período, na EBDNAP e ESSMO, mais uma campanha de solidariedade para com as crianças de São Tomé e Príncipe, dinamizada pela disciplina de EMRC em colaboração com as bibliotecas escolares e que contou com a participação do Clube Europeu da EBDNAP e de outros elementos da nossa comunidade educativa.


Através da prestimosa mediação de missionários leigos da Casa Claret, pudemos, desta vez, enviar o que de mais urgente careciam: embalagens de cereais e material escolar. 



Ficámos muito aquém do desejado e do que as crianças de São Tomé necessitam, mas, a todos os que gentil e generosamente colaboraram, fica o nosso agradecimento.

Luísa Santos e Paula Vaz

quinta-feira, 20 de junho de 2019

EMRC festeja Festa dos Valores

Alunos do 5º e 6º ano da disciplina de EMRC da Escola D. Nuno Álvares Pereira tiveram a oportunidade de encerrar o ano letivo com sessões culturais e recreativas no Convento de Cristo e na Mata Nacional dos Sete Montes que a todos agradou.



.
.
.

quarta-feira, 19 de junho de 2019

Flores no JI Raul Lopes

A Junta Urbana de Tomar, o sr. Presidente, disponibilizou um elemento do grupo de confeção de flores dos Tabuleiros para vir à EB1 Raul Lopes fazer uma demonstração aos alunos do JI e EB1 Raul Lopes.


.
.
.

terça-feira, 18 de junho de 2019

Ensaios para o Cortejo dos Rapazes

No ensaio do Cortejo dos rapazes, os alunos do JI e EB1 Raul Lopes agarraram este momento de preparação para a festa com seriedade e muita alegria.

.
.
.
.
.
.
Conceição Catarino

segunda-feira, 17 de junho de 2019

Um dia no RI15

Cerca de 60 alunos do 10º ano, da ESSMO, passaram hoje, 17 de junho, "um dia de recruta" nas instalações do quartel do Regimento de Infantaria nº15, em Tomar.

"Foto de Família" no encerramento da atividade
Ao longo do dia, os 60 alunos constituiram-se como "um pelotão, dividido em 3 secções de 20 efetivos e comandados pelo respetivo sargento". Estas "secções" puderam, sob as ordens do instrutor, experimentar um bocadinho do que é a vida militar, tendo recebido, nomeadamente, instrução física, instrução operacional ("como fazer uma cama?") e instrução teórica.
Os alunos foram ainda sempre acompanhados por três civis (3 professores) que foram "observadores  das manobras militares" e Diretores de Turma.

Inspeção às camas
No fim, às 16:00, quando a diretora Maria Celeste Sousa foi resgatar "os seus meninos" à vida militar e devolvê-los ao conforto do aconchego familiar, notavam-se os rostos cansados, mas as expressões felizes.

O agradecimento da diretora do AENSM ao comandante do RI15
Esta iniciativa pretendeu, por parte da direção do AENSM, ser uma experiência de aprendizagem e de informação, que permitisse aos seus alunos ficarem detentores de mais uma vivência que completasse o leque de opções passíveis de escolher no futuro próximo destes adolescentes.

A preparar a formatura
Houve ainda a noção de que os alunos do 11º e 12º anos estão, no mês de junho, envolvidos com os exames e que os alunos do 10º ano têm uma disponibilidade de tempo irrepetível até chegar o momento de tomarem as grandes decisões sobre os seus futuros profissionais.


Finalmente, a direção do AENSM teve ainda presente que é no 10º ano, 1º ano do ciclo de estudos secundário, que importa criar experiências unificadoras do espírito de turma e de cumplicidade de grupo.


Uma experiência que já estava pensada há algum tempo, idealizada e concebida como uma sequência natural daquilo que o AENSM faz com as 24 Horas, com o Desafio 10 e mais recentemente com o Desafio 7, mas que só este ano conseguiu reunir as dinâmicas necessárias para a sua efetivação.

Todos de olho nos "recrutas"
De certeza, esta foi a primeira edição de muitas que se seguirão.

Mais fotos aqui:

domingo, 16 de junho de 2019

Cortejo dos rapazes

E assim se prepara o  Cortejo dos Rapazes nas salas do JI Raul Lopes.


↓ Mais fotos nesta pasta: ↓

quinta-feira, 13 de junho de 2019

Aquaponia

Sob a orientação do professor de Ciências Naturais, Pedro Neves, os alunos do 8ºG, 8ºH e 8ºI deram corpo a um projeto de Aquaponia instalado num dos tanques interiores da Esc. Sec. Santa Maria do Olival.


Vídeo de explicação do projeto de Aquaponia

Este projeto está em funcionamento desde os primeiros dias de junho de 2019.

Vídeo do processo de construção da estrutura de Aquaponia

O que é o Aquaponia?

A aquaponia é um método sustentável de criação de peixes e vegetais. Com este tipo de agricultura, poderá cultivar substancialmente mais alimentos com menos água, terra e mão-de-obra do que a agricultura tradicional.
É, pois, um sistema de agricultura resiliente que proporciona bem-estar e melhor nutrição. É uma forma de agricultura que combina a criação de peixes em tanques (recirculação de aquacultura) com cultura de plantas sem solo (hidroponia). Na aquaponia, a água rica em nutrientes da criação de peixes fornece um fertilizante natural para as plantas e as plantas ajudam a purificar a água para os peixes. A aquaponia pode ser usada para sustentar de forma sustentável peixes e vegetais frescos para uma família, alimentar uma aldeia ou gerar lucro num empreendimento agrícola comercial, ano a ano, em qualquer clima.

Em casa

Um sistema de produção de alimentos em casa pode produzir centenas de quilos de peixe e todos os vegetais frescos que uma família precisa.

Nas escolas

Em aplicações educacionais, a aquaponia é um excelente modelo de ciclos biológicos naturais.
Food Banks and Missions - Alimente os necessitados: a aquaponia é uma maneira ideal de fornecer alimentos frescos e nutritivos para os necessitados.

Comercialmente

Comercialmente, a aquaponia é uma indústria em rápido crescimento, à medida que os empreendedores percebem que a aquaponia e a agricultura de ambiente controlado podem fornecer alimentos frescos de alta qualidade e cultivados localmente em uma base anual. As grandes estufas aquapónicas comerciais estão fornecendo alimentos frescos para cadeias de supermercados, hospitais e instituições.

Natural e Sustentável

A aquaponia é um processo completamente natural que imita todos os lagos, lagoas, rios e cursos de água na Terra. A única entrada num sistema de aquaponia é comida de peixe. Os peixes comem a comida e excretam o lixo, que é convertido pelas bactérias benéficas em nutrientes que as plantas podem usar. Ao consumir esses nutrientes, as plantas ajudam a purificar a água. Você não pode usar herbicidas, pesticidas ou outras substâncias químicas agressivas em um sistema de aquaponia, tornando os peixes e as plantas saudáveis e seguros para consumo.

Benefícios da Aquaponia

  • Usa 1/6 da água para cultivar 8 vezes mais comida por hectare comparado à agricultura tradicional!
  • Toda a fonte natural de fertilizantes a partir de resíduos de peixe.
  • Não há dependência de fertilizantes minerados e manufaturados.
  • Eficiente, sustentável e altamente produtivo.
  • O produto é livre de pesticidas e herbicidas.
  • Os peixes são livres de hormonas de crescimento e antibióticos.
  • Permite a produção contínua de alimentos.
  • Produz uma cultura de proteína e vegetal.
  • O sistema integrado é sustentável e amigo do ambiente.
  • A eliminação do solo elimina doenças transmitidas pelo solo.

in Groho (online - https://www.groho.pt)

quarta-feira, 12 de junho de 2019

Eco-Escolas e o Dia Mundial do Ambiente

O Clube Eco-escolas do Agrupamento comemorou no passado 5 de Junho o dia Mundial do Ambiente.



Os alunos que frequentam o 7º ano colocaram nas árvores da escola caixas ninho gentilmente cedidas pelo CMIA.


Foi uma manhã diferente que contou ainda com uma visita muito especial, um passarinho que parecia já querer ocupar a sua nova casa.



terça-feira, 11 de junho de 2019

Articulação JI EB1 Raul Lopes

É dia de Festa!


A articulação da turma TR-1C da EB1 Raul Lopes com a sala 5 do JI Raul Lopes realizou-se no passado dia 10 de maio.


A história "É dia de festa" resultou neste bonito cartaz. Parabéns a todos!


Rosário Magalhães
Cristina Madureira
Anabela Lopes

quinta-feira, 6 de junho de 2019

Histórias da Ajudaris 18

Lançamento do livro Histórias da Ajudaris 18 na biblioteca da EBDNAP


Numa iniciativa conjunta da Biblioteca escolar e da professora de Português Luísa Nunes, a biblioteca Pedro Seromenho, da Escola EB 2/3 D. Nuno Álvares Pereira, foi palco do lançamento de mais um livro do projeto Histórias da Ajudaris 18 que conta já com a participação de 700 estabelecimentos de ensino de todo o país.


O livro Histórias da Ajudaris 18, subordinado ao tema A Natureza, inclui uma história de alunos do nosso agrupamento, os que no ano transato frequentavam o 6º D, e que foram selecionados para integrar este projeto. Já as ilustrações do livro ficaram a cargo de artistas plásticos nacionais e estrangeiros que se voluntariaram para dar mais cor e magia aos livros, apadrinhando cada história.


Esta cerimónia foi abrilhantada, perante familiares dos alunos participantes, a Diretora do Agrupamento, professores e outros elementos da comunidade educativa, pela gentil participação de alunos do 6º A, de Educação Musical, do professor Miguel Ferreira e de uma aluna do 10º C, Maria Inês Ferreira, sob a orientação do professor José Carlos Morgado.


No final da sessão, não faltaram os habituais autógrafos e  a venda dos livros, cujo montante reverte, na íntegra, para a Ajudaris, uma associação de solidariedade social que presta apoio a crianças desfavorecidas, assinaladas pelas próprias escolas.


Quem pretender adquirir um destes livros, a 5 euros cada exemplar, poderá contactar a biblioteca da EBDNAP.


Os nossos parabéns aos participantes!

Paula Vaz
Professora bibliotecária